Monday, March 16, 2009

Somente o melhor

Ja se passaram sete meses e agora, em contagem regressiva, sei as coisas que me farao falta quando voltar. Sabado eu pude estar com elas e, para quando quiser lembrar do quanto valeu a pena tudo isso, vou escrever aqui.
Era dia de trabalhar na caca (cedilha!) ao tesouro, parte do festival de St Patrick. Impossivel nao olhar para as ruas, lojas, bares e pessoas enfeitadas e lembrar que eu sempre pensei que um dia estaria na Irlanda comemorando o dia St Patrick e estou aqui e e minha unica chance.
O trabalho foi tranquilo e, claro, me dediquei ao que mais importa para quem trabalha voluntariamente em festivais: comer e pegar brindes. Conhecer gente legal e dar altas risadas e um bonus.
Sai de la, vim para casa comer e trocar de roupa. Eram nove da noite, hora de encontrar os CSers e pegar minha camiseta. Sim, porque grupo organizado e animado tem sua camiseta para as festividades de St Patrick.
Fiquei dez minutos la e fui encontrar meu namorado. Ele entrou no pub, conheceu o pessoal e fomos ao cinema. Assistimos Hush, ele pulava de susto, o que fazia rir loucamente no meio do filme de suspense.
Do cinema ele foi pra casa e eu – insira um adjetivo aqui – para o pub. Encontro de CSers, povo de sempre, lugar de sempre. Tomei coca-cola com Jameson e voltei para casa as duas para dormir porque mais trabalho me esperava no dia seguinte. Domingo, entao, fica para depois.

3 comments:

Tiago Faller said...

*____________* Oh, cara....

Bruno said...

(abraço) mas feliz por vc tah voltando ....

Ivete encharcando a lagosta said...

Bom, né? Valeu aguentar os momentos difíceis, viu só?. =)